Caixa registradora do bercario

Os vendedores têm preocupações e pesquisas sobre a caixa registradora. Nem sempre tudo segue nosso próprio caminho e como se quiséssemos. A caixa registradora é uma máquina - um dispositivo eletrônico que às vezes falha.

faturaAntes de nos acostumarmos com a venda do valor, passa algum tempo. Embora deva-se admitir que os dispositivos fazem muito trabalho para nós. Eles leem códigos de barras e depois imprimem um recibo ou fatura. Bem ... recibo ou fatura? Parece delicado e pequeno, mas não é o caso no país. Podemos nos perguntar sobre o que dar ao cliente um recibo impresso no valor fiscal ou na fatura. Os especialistas estão com pressa com um custo adicional - eles dizem que você deve emitir um recibo, mas fornecer uma fatura ao cliente. É importante ressaltar que a emissão de uma fatura para uma mulher natural que não administra uma empresa ou também para um agricultor de taxa fixa não isenta o vendedor da obrigação de registrar vendas no valor fiscal. Afinal, o cliente pode solicitar uma fatura - a fatura original é usada.

reciboE o recibo? Bem, o recibo é adicionado ao último item da fatura, incluído na documentação do contribuinte. na última tecnologia, evitaremos o pagamento duplo de impostos por uma determinada venda. O recibo é prova de venda. Um recibo colocado na caixa registradora geralmente é entregue com uma solicitação para emitir uma fatura. Nesses casos, também existe uma base para promover um produto que se mostrou ruim ou que não atende às expectativas do cliente. Um recibo também é uma garantia comum. Ao contrário das aparências, esse componente da impressão em papel da sua caixa registradora é um documento muito importante. As impressoras fiscais da Elzab estão no apartamento para imprimir o recibo e também a fatura.Muitas vezes subestimamos o recibo, jogamos em algum lugar. Mas quando há uma compra recente de algo valioso, vale a pena pensar no recebimento e saber onde ele é alcançado. Eu ri de muitas mulheres entrando em recibos com uma unção. Mas também vi pessoas dando recibos e dizendo que o produto que acabaram de comprar em uma loja moderna é antigo. Para os usuários, o recibo é a prova de que eles pagaram pelo que criam na sacola; para outros, é um motivo para cuidar do produto.